Uma das maiores exportadoras de animais vivos do mundo não poderá mais operar na Austrália

A luta contra a exportação de animais vivos teve uma grande vitória essa semana. A Emmanuel Exports, uma das gigantes em exportação de animais vivos do mundo, teve sua licença permanentemente cancelada na Austrália depois que ativistas divulgaram imagens terríveis de animais em condições extremamente precárias, morrendo de estresse, doenças e calor nos navios da empresa.

No Brasil, a luta contra esse cruel comércio tem sido travada há cerca de três meses na Alesp – Assembleia Legislativa de SP, em função do PL 31 ou PL dos Bois, de autoria do deputado estadual  Feliciano Filho (PRP). Embora o PL esteja pronto pra votação e conte com o apoio da maior parte dos deputados, ainda não foi pautado pelo presidente da Casa.

“Essa crueldade tem sido combatida no mundo todo e é com grande satisfação que recebemos essa notícia da Dra Lynn Simpson, veterinária australiana que há mais de 10 anos tem viajado nos navios-boiadeiros e registrado a horror vivido pelos animais”, comentou o deputado.

“A Emmanuel Exports foi responsável pelo transporte da maioria dos 200 milhões de ovelhas enviadas ao Oriente Médio nos últimos 40 anos. Mais de 1,5 milhão de animais indefesos morreram em seus navios. Também foi responsável pelo desastre do Cormo Express, onde mais de 5 mil ovelhas morreram. Eu mesma testemunhei o tratamento brutal que essa empresa dispensava a milhões de ovelhas, por décadas”, comenta a veterinária.

Em mensagem endereçada ao gabinete do deputado Feliciano Filho, a Dra Lynn descreve a luta contra a Emmanuel Exports dessa forma: “Tem sido uma batalha de Davi e Golias ao longo de muitos anos – e David venceu hoje. Eles podem ter o poder e milhões de dólares à sua disposição. Mas nós estamos armados pelos gloriosos corações gentis de nossos apoiadores. Hoje damos um suspiro de alívio pelos inúmeros animais que serão poupados de uma jornada de terror. A luta para acabar com a exportação de animal vivo continua, mas já demos um grande passo”.

Vale lembrar que o Brasil está entre os cinco países que possuem mais gado do que gente perdendo apenas para Uruguai, Nova Zelândia, Argentina e Austrália. O Brasil tem 226 milhões de bovinos contra 206 milhões de pessoas. O mundo tem 1 bilhão de bovinos dos quais quase ¼ estão no Brasil. A pastagem para bois é responsável por 65% do desmatamento da Amazônia.

Além da Austrália, Portugal, Espanha e outros países estão tentando acabar com a exportação de animais vivos. Israel já proibiu a importação de animais vivos recentemente e na Turquia tramita projeto de lei que também visa proibir a importação.

Conheça as razões econômicas, veterinárias, jurídicas, ambientais e morais para que seja extinto o embarque de animais vivos para fins de abate



Translate