Feliciano liberta animais do aeroporto de Guarulhos em menos de 12h

Feliciano liberta animais do aeroporto de Guarulhos em menos de 12h

O deputado Feliciano Filho conseguiu no último sábado (07/06) retirar os cães que estavam vivendo em gaiolas no aeroporto internacional de Guarulhos e encaminhá-los para a ONG Cão Sem Dono.Alguns destes animais foram abandonados por seus donos na hora do embarque, além dos que foram resgatados pois estavam circulando pelas imediações do aeroporto.

“Agora eles terão uma nova vida, pois serão inseridos no programa de adoção e terão um novo lar.”, destacou Feliciano.

Os animais estão vacinados, castrados e estavam bem cuidados. Os funcionários passeavam com eles três vezes por dia. O deputado afirma que em nenhum momento viu má intenção de qualquer funcionário em provocar maus tratos. Eles, inclusive, demonstravam carinho a eles.

“Acontece que é inadmissível que fiquem confinados, sem poder caminhar ou correr e em alguns casos com dificuldade até de deitar de forma confortável”, acrescentou.

Segundo o deputado, a empresa Concessionária tem a obrigação de prover tudo o que é preciso para o bem estar dos animais apreendidos por ela. Não sendo possível que uma concessionária de serviço público, com vários e enormes viveiros de plantas, no seu sítio aeroportuário, não utilize alguns desses espaços para construir canis adequados.

“O correto seria ter feito convênio com alguma entidade de proteção animal, para repassar os animais, e não deixá-los morando em confinamento”, alertou Feliciano.

O CASO


Na sexta-feira (06/06) por volta das 22:30, Feliciano recebeu uma foto e um vídeo de cães que estavam confinados em gaiolas há muito tempo no aeroporto internacional de Guarulhos. Imediatamente, entrou em contato com os responsáveis para ter mais informações. No sábado, o deputado foi até aeroporto as 9:30 para ver a real situação.
“Tentei contato com várias entidades de proteção animal e consegui falar com o Rafael e o Vicente, da Cão Sem Dono, que prontamente colocaram a entidade à disposição para receber os cães. Após passar o dia todo buscando soluções, conseguimos chegar a um consenso e os 19 cães foram para uma nova vida”, afirmou.

Feliciano Filho ainda parabenizou o autor da denúncia anônima pela sensibilidade.

“Para mim o que importa e que agora eles estão bem e ficarão melhor ainda quando forem adotados e viverem felizes”, concluiu.



Traduzir