Deputado Feliciano salva a vida de 24 vacas e bezerros

Deputado Feliciano salva a vida de 24 vacas e bezerros

Após aproximadamente 10 dias de duras negociações entre o deputado Feliciano Filho, o Centro de Controle de Zoonoses de Guarulhos e a Coordenadoria Estadual de Defesa Agropecuária, 21 de 24 vacas que seriam abatidas foram liberadas neste sábado (19) e encaminhadas, pela União Protetora dos Animais (UPA), a uma propriedade rural. Lá, ficarão separadas para não procriarem mais e terão sua merecida aposentadoria, uma vez que jamais serão comercializadas.

Entenda o caso

Um veterinário da Coordenadoria Estadual de Defesa Agropecuária queria enviar para o matadouro estes animais, afirmando que eles estavam contaminados por brucelose ou tuberculose. Quando a denúncia chegou até o deputado Feliciano Filho, o parlamentar duvidou que todos os animais estivessem doentes e entrou em contato com a direção do órgão, exigindo uma prova por meio de exames.

Para nossa surpresa, na segunda-feira (14), o mesmo veterinário que tentou condená-las à morte apareceu no CCZ de Guarulhos no início da manhã com dois caminhões boiadeiro da Polícia Militar e iniciou o carregamento para levá-las ao matadouro. De forma insubordinada, pois não estava cumprindo o acordo firmado na semana anterior. O deputado Feliciano, rapidamente, cobrou explicações da direção da Coordenadoria, que prontamente ordenou a interrupção do carregamento.

Os exames foram feitos entre quinta-feira e sábado e mostraram que 22 animais estavam saudáveis. Apenas dois exames deram resultado inconclusivo, ou seja, serão repetidos novamente daqui a 60 dias. Mas, por conta de uma delas estar com um bezerrinho, este também precisou ficar com a mãe. Desta forma, foram liberados 21 animais.

“Começamos a carregá-las às 11 da manhã e terminamos às 8 da noite, pois o caminhão era muito grande para descer ao local e foi preciso baldeá-las com um caminhão menor,” explicou Feliciano, que ajudou pessoalmente a carregar os animais. “Por volta das 11 da noite, no momento em que as descarregávamos, houve uma forte emoção, pois as vacas pareciam nunca ter visto um pasto antes.”

Tristeza

Após muita alegria de ter salvado as vaquinhas, veio uma tristeza: uma delas estava muito debilitada e, infelizmente, morreu durante a viagem.

O deputado Feliciano parabeniza e agradece a direção da Coordenadoria Estadual de Defesa Agropecuária pêra seriedade e profissionalismo com que tratou o caso. Quanto ao veterinário insubordinado, iremos apurar o porquê desta conduta absolutamente inadequada.

Surpresa

Na madrugada de domingo para segunda, uma dessas vacas deu cria de uma linda bezerrinha, o que elevou o total de animais salvos a 25.

“Nós lidamos com vidas,” desabafou o deputado Feliciano. “Antes de começarmos o carregamento elas estavam todas juntas e algumas faziam carinho nas outras, lambendo-lhes o rosto. O mesmo sentimento que nós, seres humanos, temos, elas também têm. Nunca vou me esquecer de um vídeo que assisti, de uma vaca correndo atrás de um caminhão que levava seu filhotinho para fazer vitela. É com muita alegria que temos a certeza de que pelo menos estas vaquinhas e bezerrinhos ficarão juntos para sempre.



Traduzir