Deputado Feliciano expõe seus projetos em rede nacional

Deputado Feliciano expõe seus projetos em rede nacional

Nesta segunda-feira, 28, o Deputado Estadual Feliciano Filho (PV/SP) compareceu ao programa Superpop, da RedeTV!, para debater a matança de animais de rua e o sacrifício religioso. Com ele, estavam personalidades da mídia, protetores, uma liderança do condomblé e uma vereadora de Minas Gerais que defende a matança de animais recolhidos.

O deputado parabenizou o programa por trazer à tona um assunto tão oportuno e, hoje, tão importante. “Quanto mais o poder público recolhe animais das ruas, mais eles se multiplicam, pois sobra mais alimento para os que permanecem nas ruas e estes ficam mais fortes e geram mais filhotes. Uma única cadela pode gerar, em toda a sua vida, por meio de seus descendentes diretos e indiretos, cerca de 64 mil cães. Por isso o recolhimento não é a solução. Na Assembleia Legislativa de Minas está tramitando um projeto idêntico ao que eu consegui aprovar em São Paulo, a Lei Feliciano, que proíbe a matança em todos os municípios do Estado e cria políticas públicas, como a castração, identificação e estímulo à adoção dos animais.”

O deputado ainda explicou que, para fiscalizar a aplicação da legislação federal que combate os maus tratos, já foram criadas mais de 20 delegacias especializadas em proteção animal em todo o Estado e, na cidade de São Paulo, já está sendo criada, através de seu esforço pessoal, uma Promotoria Especial de Defesa Animal. Mas ainda não é o suficiente. “Hoje a punição é muito branda. Eu fiz uma lei que já enviei ao Congresso Nacional, por meio de nossa bancada federal, que aumenta a pena do artigo 32 da Lei de Crimes Ambientais. Ela já tramitou e está pronta para ser votada em plenário.”

“Além disso,” continuou Feliciano, “Os Centros de Controle de Zoonozes deveriam sair das secretarias de Saúde – que sempre sofrem com a falta de verbas – e passar para secretarias de Meio Ambiente, para que possam executar políticas públicas, como castração e identificação de animais.”

Sobre o tema do sacrifício de animais, o Deputado Feliciano lembrou que também é autor do Projeto de Lei 992/2011, que proíbe o sacrifício religioso em todo o Estado.

O debate foi muito acompanhado pelas mídias sociais. No Twitter, a proteção animal se manifestava com a tag #FelicianoSUPERPOP, enquanto no Facebook, as postagens sobre o programa receberam centenas de interações, entre “curtir”, “compartilhar” e comentários.



Traduzir