Castração gratuita está pronta para ir a plenário

Castração gratuita está pronta para ir a plenário

O Projeto de Lei 514/2010, do Deputado Feliciano Filho, que trata da castração gratuita aos animais da população carente foi aprovado no último dia 25 na Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento da Assembleia Legislativa, última comissão antes da votação em plenário.

Se a lei for aprovada e sancionada, será um forte instrumento de controle populacional, pois ampliará muito os programas de castração viabilizados pela Lei Feliciano [Lei 12.916/08] e realizados até o momento, nos municípios, em convênio com o Governo do Estado. A lei também autorizará o governo a firmar parcerias com universidades, clínicas veterinárias, entidades de proteção animal e outras organizações não governamentais a fim de viabilizar o controle reprodutivo.

“Estender esse direito também aos animais domésticos das pessoas de baixa renda é uma questão humanitária, de saúde pública, de meio ambiente e de respeito ao dinheiro público,” afirmou o deputado.

No período de apenas 6 anos, uma cadela não castrada pode gerar, através de seus descendentes diretos e indiretos, aproximadamente 67.000 cães.



Traduzir