banner site novo
banner site novo
banner 04 editado
banner 04 editado
banner 04 editado
banner 01 editado
banner 01 editado
banner 01 editado
DEPA
DEPA
DEPA

publicado em 1 de dezembro de 2017

CPI vai ouvir Secretaria do Meio Ambiente sobre caça a javalis

A CPI de Maus-tratos Contra Animais da ALESP convocou para a sessão da próxima terça (05), às 11 horas, a diretora do Departamento de Fauna da Secretaria do Meio Ambiente (SMA), Vilma Clarice Geraldi. A SMA é a responsável por autorizar no estado de SP a caça ao javali, como forma de controle populacional. O Secretário Estadual do Meio Ambiente Maurício Brusadin foi convidado a também acompanhar a sessão.

Em norma do IBAMA, publicada em 2013, o javali europeu foi considerado espécie invasora e sujeito a ser perseguido e abatido, o que tem gerado uma enxurrada de denúncias de maus-tratos envolvendo, além dos javalis, também cachorros e animais silvestres protegidos por lei, como catetos, onças, capivaras etc.

“Essa questão da liberação da caça é absurda,” comentou deputado Feliciano filho, presidente da CPI. “Quando se diz que está liberada a caça a javali, as pessoas começam a entrar no meio no mato, com cachorro, com arma, dando tiros a esmo. Recebemos um vídeo onde um caçador segura as pernas de um javali enquanto 14 cães destroçam o coitadinho, que grita por socorro, até o indivíduo enfiar uma faca no animal. Já nos chegou relatos de balas perdidas, mortes de caçadores por fogo amigo atc. Este é o resultado de quando o Estado joga para a sociedade uma responsabilidade que é dele: tortura e atrocidade.”

Também foram convidados para a sessão o juiz federal da 5ª Vara Federal de Maringá (PR) Anderson Furlan, o diretor do Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal da prefeitura de Campinas Paulo Anselmo e a advogada, ativista de combate à caça e representante do Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal Ana Maria Pinheiro, além da promotora de Justiça do Vania Tuglio e o biólogo Sérgio Greiff. A reunião será aberta ao público.

Nome Completo (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu Depoimento