19369381_1389010344514647_152798619_o
19369381_1389010344514647_152798619_o
banner 01 editado
banner 01 editado
banner 01 editado
banner 03 editado
banner 03 editado
banner 03 editado
banner 04 editado
banner 04 editado
banner 04 editado

publicado em 14 de setembro de 2015

Cães de guarda em cemitérios: medida cruel e perigosa

Artigo publicado no jornal Diário de SP de hoje:

Cães de guarda em cemitérios: medida cruel e perigosa

A matéria “Cachorros vão voltar a ‘guardar’ cemitérios”, veiculada em 7/9, informa que a Prefeitura de São Paulo voltará a usar cães de guarda para coibir furtos nas necrópoles paulistanas. A reportagem classifica como “bem-sucedida” a experiência realizada no Cemitério da Consolação, no início deste ano.

É normal que pessoas leigas não compreendam a dimensão da crueldade que existe por trás dessa falsa solução. Por isso, algumas ponderações se tornam necessárias.

Todo cão tem um “amo”, ou seja, alguém por quem ele daria a própria vida! Sem esta relação, submetidos a uma rotina estressante e treinados para ataque, os cães utilizados pelas empresas de segurança têm uma existência dura e desconectada do que lhes seria prazeroso e natural.

Para piorar, muitos deles sofrem com castigos físicos, apresentam desnutrição e doenças de pele e ainda estão sujeitos a serem baleados, envenenados ou atacarem pessoas inocentes, como uma criança atrás de uma bola. E quem passeia por esses locais? É grande o risco de sofrerem um ataque por parte dos cães, que não sabem diferenciar entre um criminoso e um simples intruso.

Atentos a estes e a outros pontos sensíveis, fizemos o Projeto de Lei 371/2015, protocolado em 31 de março deste ano na Assembleia Legislativa de São Paulo. Nossa intenção é erradicar essa prática deplorável, não apenas na capital, mas em todos os municípios paulistas.

Uma atividade econômica, por mais importante que seja, não pode se basear na exploração de seres indefesos. E, neste momento de recessão e desemprego, as empresas de segurança fariam muito mais pela sociedade se oferecessem trabalho digno para vigilantes profissionais, bem treinados e remunerados adequadamente.

#EquipeFeliciano

Seu nome (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu Depoimento