banner site novo
banner site novo
banner 04 editado
banner 04 editado
banner 04 editado
banner 01 editado
banner 01 editado
banner 01 editado
DEPA
DEPA
DEPA

publicado em 6 de novembro de 2015

Acordo suspende matança de capivaras do Alphaville

Amigos,

Recebi na tarde de hoje um retorno da Secretária Estadual do Meio Ambiente de SP, Dra. Patrícia, comunicando que, em função de nossos argumentos, pediu ao Condomínio Alphaville de Campinas que SUSPENDA o procedimento de eliminação das capivaras, para que possamos discutir com mais profundidade este assunto.

Ontem, havia solicitado à Secretaria que interrompesse a matança das capivaras para que possamos todos juntos adotar medidas mais eficazes contra o carrapato-estrela, sem cometer o mesmo erro do Largo do Café, também em Campinas, que já está repovoado de capivaras.

A eliminação não resolve, pois cavalos, bois e muitos outros mamíferos também são hospedeiros do carrapato. Devemos então matar todos? É o mesmo caso da leishmaniose, que infecta cachorros, gambás, raposas, cachorros do mato, etc. Devemos acabar com a vida na Terra ou combater o mosquito? Temos que combater o carrapato, não as capivaras!

Após ouvir vários veterinários especializados, concluí que a Secretaria do Meio Ambiente se precipitou em dar a autorização para o abate, pois se baseou na opinião de apenas um técnico da SUCEN! Como o tema é complexo, não podemos tomar atitudes monocráticas e colocar em risco a vida de pessoas com medidas ineficientes, arbitrárias e eliminando de forma desnecessária a vida de animaizinhos inocentes que estão lá muito antes de nós.

A fim de criar um regramento com legitimidade e eficiência, precisamos de um amplo debate. Por isso, realizaremos no próximo dia 25, às 19h, na Audiência Pública “Febre Maculosa: Matar Capivaras Resolve?”. Será no Auditório Teotônio Vilela da ALESP (Av Pedro Álvares Cabral, 201, 1º andar – São Paulo).

#CapivaraViva

Nome Completo (obrigatório)

Seu e-mail (obrigatório)

Seu Depoimento